Qual é o papel do empreendedor? Descubra o que não pode faltar!

Por mais que o papel das micro e pequenas empresas seja de extrema importância para o comércio do país, os empreendedores acabam passando por diversas dificuldades ao longo dos primeiros anos de empresa.

Provavelmente você já ouviu dizer que o índice de fechamentos de negócios é muito alto. Dados de 2018 explicitam que 1 a cada 4 empresas morrem antes de completar dois anos de existência, segundo o SEBRAE (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas).

Outra pesquisa deste mesmo ano feita pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), também evidenciou que por três anos seguidos, mais empresas foram fechadas do que abertas.

Os dados podem ser assutadores para quem quer abrir uma empresa ou possui uma. A questão é: por que tantos empreendimentos morrem?

A importância do planejamento

Muitos são os empreendedores ao redor do mundo com boas ideias, entretanto um bom planejamento é crucial para o sucesso de qualquer empresa.

Em primeiro lugar, antes de abrir seu empreendimento, é necessário estudar o mercado e fazer um plano de negócio detalhado. É muito arriscado não saber os conhecimentos básicos antes de dar o primeiro passo.

Um outro ponto que pode se tornar um problema é a falta de divulgação. É essencial trabalhar em estratégias de marketing para alavancar a sua empresa, para que ela tenha visibilidade.

Agora para os empreendimentos que já estão em funcionamento, lembre-se de nunca misturar contas pessoais com as da empresa.

A parte mais importante é saber exercer o pepel de dono, do empreendedor.

Leia também: Plano de negócio: O planejamento que sua empresa precisa

O papel do empreendedor

O dono não trabalha na parte operacional. Não é necessário colocar a mão na massa para tudo. Obviamente no início do empreendimento isso será feito pelo dono, já que ainda não há muitas outras pessoas para passar as funções.

Mas é interessante ter em mente que se você preocupar-se com várias outras coisas, não terá tempo de ser o empreendedor de fato.

O papel principal do dono é ser o visionário. É ser a pessoa que cria, inventa, traz a possibilidade de ser diferente.

O empreendedor é aquele que inspira os outros a trabalhar, que sabe que quer impactar o mundo.

Essa é a diferença entre um empreendedor técnico e um empreendedor visionário: ele é um sonhador.

O dono precisa saber delegar funções, contratar bons funcionários e motivar a sua equipe. É ele que precisa mostrar os valores que a empresa segue e engajar os trabalhadores.

Monte uma boa equipe

Outro ponto de extrema importância é a capacitação da equipe. O dono precisa estar realmente preparado para investir em conhecimento e melhorar a qualidade do seu grupo.

Além disso, é essencial fazer o acompanhamento dos funcionários e também das despesas e receitas da empresa, mesmo que superficialmente.

É bom ter uma ideia de tudo que se passa na empresa para evitar problemas. Mesmo assim ele precisa focar principalmente em seu papel de empreendedor.

E já que falamos sobre investimento, vale lembrar que é fundamental saber onde investir, por isso é importante avaliar os recursos para descobrir quais trarão retorno à sua empresa.

E o Onbusca Smart é um deles: com a nossa plataforma, você facilita os processos fiscais e descomplica a sua rotina – isso vai tornar o desempenho da sua empresa mais prático e rápido, que é justamente o trabalho do empreendedor.

Lembre-se, o seu papel é ser um visionário e engajar a sua equipe com o seu projeto, e o Onbusca Smart vai te ajudar a fazer isso! Não perca tempo e acesse www.onbusca.com/page/smart

O artigo foi útil? Acesse o nosso blog para mais textos como este!

www.onlineapp.com.br

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *