Previna sua empresa dos riscos fiscais

Muito se fala da importância da gestão de documentos fiscais eletrônicos. Mas mesmo com a quantidade de informações que encontramos atualmente nas mídias e na internet, muitas empresas ainda não tomam o devido cuidado no recebimento de documentos fiscais eletrônicos.

Quando sua empresa é quem vende, o ato de não armazenar os documentos fiscais de forma correta pode ser ainda mais grave. Isso porque a empresa tem a obrigação de provar que está certa caso haja algum tipo de acusação contra ela, seja de clientes ou de fiscalizações. Portanto, receber, validar e armazenar os documentos fiscais já não é mais uma necessidade organizacional, é uma obrigação, de acordo com a legislação brasileira de ajuste SINIEF 07/05.

 

O que é SINIEF 07/05?

O Ajuste SINIEF 07/05 estabelece as regras de armazenamento da NF-e (nota fiscal eletrônica). Quanto ao armazenamento dos documentos, são responsabilidades do emitente e do destinatário.

Segundo a obrigatoriedade, a NF-e (nota fiscal eletrônica) e o CTE (conhecimento de transporte eletrônico) devem ser armazenados por um período mínimo de 5 anos. Pois, na ocorrência de uma fiscalização esses documentos devem ser apresentados. Caso contrário, a empresa irá sofrer penalizações.

É importante lembrar que os crimes contra a ordem tributária podem levar a uma pena de 2 (dois) a 5 (cinco) anos de reclusão, além das multas adicionais – que costumam ser bem salgadas!

Riscos fiscais ao não armazenamento de NF-e e CTE

 

Quais são os riscos fiscais à minha empresa?

Os gestores devem estar atentos não só a emissão e recebimento de documentos fiscais, mas também ao seu armazenamento. Confira a seguir quais são os principais riscos que sua companhia corre ao não armazenar esses documentos:

Ser acusado de sonegação fiscal

A lei obriga todas as empresas a emitirem notas fiscais eletrônicas. Sendo assim, qualquer consumidor tem o direito de receber sua NF-e e caso o contrário, se ele não receber este documento fiscal, a empresa pode ser acusada de sonegação. Armazenar os documentos fiscais é um fator crítico, pois as empresas precisam comprovar a emissão das suas notas fiscais e caso ela não prove, estará sujeita a multas com valores bem altos, podendo ultrapassar o valor de R$ 1.000,00 por documento perdido.

Risco ao Fisco

Como já dito anteriormente, a legislação brasileira determina um prazo de 5 anos para prescrição de dívidas. Portanto, todas as empresas devem armazenar seus documentos fiscais por um período mínimo de 5 anos. A qualquer momento a empresa está sujeita a uma fiscalização que exige a comprovação das notas guardadas, por isso é indispensável mantê-las bem armazenadas em um ambiente seguro. Caso não sejam apresentados os documentos fiscais, a companhia será penalizada por descumprimento da obrigação.

 

Como solucionar esses problemas?

A melhor forma de solucionar este problema é prevenindo. Então, por que não começar guardando seus documentos fiscais?

Para proteger sua empresa do Fisco, nada melhor do que utilizar os avanços da tecnologia a seu favor. Hoje existem muitas soluções seguras e inteligentes na nuvem para fazer o armazenamento dos seus documentos fiscais e livrar sua empresa de futuros problemas, como são as Soluções Fiscais da Online Applications.

Você precisa saber mais detalhes dos riscos fiscais e como fazer a gestão de documentos fiscais corretamente na sua empresa? Pensando em mostrar todos os detalhes desse assunto, nós elaboramos este e-book para guia-lo com todos os detalhes. Confira nosso e-book completo do “Risco de exposição ao Fisco – Previna-se” e adote as melhores práticas no seu negócio!

Risco de exposição ao fisco - previna-se!

Ficou com alguma dúvida? Entre em contato conosco.

Marketing

Criada em 2016, a equipe de marketing da Online Applications produz conteúdos para os blogs Onbusca e OnlineApp. A equipe é formada por Daniel Peres (coordenador), Gustavo Fernandes e Ruth Silva (design), Larrisa Silva e Livia Silva (produção de conteúdo) e Nathalia Andrade (análise de dados).

Share
Marketing

Criada em 2016, a equipe de marketing da Online Applications produz conteúdos para os blogs Onbusca e OnlineApp. A equipe é formada por Daniel Peres (coordenador), Gustavo Fernandes e Ruth Silva (design), Larrisa Silva e Livia Silva (produção de conteúdo) e Nathalia Andrade (análise de dados).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *