O que é timesheet? Conheça os benefícios desta metodologia

A metodologia timesheet não é algo novo, nasceu no século XIX. A sua importância ao longo do tempo só aumentou. E é exatamente sobre isso que estamos falando, sobre tempo.

Como já diria alguns, “tempo é dinheiro”. A gestão de tempo é realmente um recurso fundamental. Você pode aumentar a produtividade da sua equipe e consecutivamente seus lucros.

O tempo ainda é um recurso que, infelizmente, é limitado. Há muitos benefícios que você pode levar para a sua empresa depois de começar a controlar o tempo de produção de seus colaboradores. É aí que a metodologia timesheet pode te ajudar.

O que é a metodologia timesheet?

Nada mais é que uma tabela, uma planilha de horas trabalhadas. O processo é simples: os colaboradores marcam quanto tempo foi utilizado para cada tarefa e no final você irá conseguir medir o tempo para a conclusão de um projeto.

Depois de adicionar o timesheet na sua empresa, é possível estimar o valor de mão de obra de cada projeto. Saber quais são as atividades que mais requerem tempo e as que mais trazem lucros.

Por isso é fundamental que os horários marcados sejam precisos, para que não ocorram erros que vão afetar o resultado final.

Por que aplicar o timesheet?

O benefício de aplicar o timesheet é que você saberá exatamente qual é o tempo que cada equipe leva para concluir um trabalho. Assim você irá saber exatamente quanto tempo investir em cada novo projeto, pensando em melhorar a produtividade.

Depois disso você conseguirá mensurar quais são as atividades que gastam mais tempo e as que não trazem muitos lucros. Então ficará mais fácil para melhorar o seu planejamento e contabilizar um valor para o seu serviço.

Os gestores então, irão conseguir tomar decisões com base em dados. Ficará mais transparente quais são os profissionais que trazem mais renda para a empresa.

Leia também: Estratégia de inovação: aprenda a como desenvolver a sua

Como aplicar na minha empresa?

Antes de realmente disponibilizar alguma ferramenta para os colaboradores, pesquise qual é a melhor solução para a sua empresa. O timesheet pode ser feito manualmente, mesmo que pelo Excel, ou a empresa pode contactar alguma ferramenta automatizada.

Utilizar o Excel ainda é uma opção no início, mas softwares especializados são muito mais efetivos para a sua empresa. Pesquise os que estão no mercado e atente-se ao melhor custo-benefício.

Depois de testar qual é a melhor opção, pense em como comunicar os funcionários. É importante não fazer com que o ambiente pareça de competição, fazer com que os colaboradores se sintam confortáveis para utilizar o timesheet.

Sugerimos que haja um treinamento para ensinar como utilizar a nova ferramenta e mostre sua importância para a empresa. Acompanhe os colaboradores durante o processo e os incentive.

Faça com que seja parte da rotina preencher os horários no timesheet e mostre o que o sistema é benéfico para evitar eventuais problemas. Não adianta deixarem para preencher tudo na sexta-feira, pois não se lembrarão dos horários precisos.


Entendeu como funciona o timesheet? Conte para nós se você pretende aplicá-lo em sua empresa!

Leia também: Plano de negócio: O planejamento que sua empresa precisa

Marketing

Criada em 2016, a equipe de marketing da Online Applications produz conteúdos para os blogs Onbusca e OnlineApp. A equipe é formada por Daniel Peres (coordenador), Gustavo Fernandes e Ruth Silva (design), Larissa Silva e Livia Silva (produção de conteúdo) e Nathalia Andrade (análise de dados).

Share
Marketing

Criada em 2016, a equipe de marketing da Online Applications produz conteúdos para os blogs Onbusca e OnlineApp. A equipe é formada por Daniel Peres (coordenador), Gustavo Fernandes e Ruth Silva (design), Larissa Silva e Livia Silva (produção de conteúdo) e Nathalia Andrade (análise de dados).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *