4 passos simples para evitar erros fiscais em sua contabilidade

Um estudo realizado pelo Conselho Fiscal Empresarial Brasileiro (CONFEB) relatou que, 84% das empresas já tiveram que lidar com erros fiscais, ou seja, falhas internas ou junto aos escritórios de contabilidade, o que acabou prejudicando a corporação.

Diante disso, fica clara a importância de se atentar aos erros fiscais e evitá-los, mas não se preocupe se não souber por onde começar!

Você pode conferir abaixo quais são os principais passos que devem ser tomados nesse caminho para uma contabilidade ideal:

1. Buscar atualização constante

Não é preciso decorar cada linha da Legislação Tributária Brasileira, mas é importante se atentar às mudanças, que ocorrem com uma certa frequência.

Dessa forma, você evita erros fiscais e não corre o risco de transmitir uma informação errada aos seus clientes. E não é difícil encontrar as informações que precisa – as novas jurisprudências podem ser conferidas no site da Fazenda.

Inclusive, há mudanças ocorrendo também no campo da tecnologia, onde surgem inovações que facilitam o dia a dia, por isso é importante sempre se atentar.

2. Calcular impostos automaticamente

Sendo uma das principais funções da contabilidade, o cálculo de impostos deve ser feito minuciosamente, afinal são muitos os campos a serem preenchidos e que não podem haver erros.

Se isso acontecer, a empresa pode ser prejudicada e perder dinheiro!

Entretanto, erros podem ocorrer devido ao cálculo humano e, para evitar isso, é recomendado que os impostos sejam calculados automaticamente.

Então, adquirir uma plataforma de confiança, que isente a sua contabilidade de erros, é de extrema importância para fazer a gestão correta das empresas de seus clientes.

3. Armazenar XML corretamente

O armazenamento adequado dos arquivos XML garante que você tenha acesso a todas as informações referentes à Nota Fiscal eletrônica (NF-e), além da possibilidade de compartilhá-las entre outros computadores e sistemas.

Isso facilita a organização da empresa e impede que informações importantes sejam perdidas, o que poderia gerar problemas com a fiscalização.

Então, se quiser garantir a segurança das suas NF-es, o ideal é adquirir uma plataforma online que faça a gestão dos arquivos XML por você, facilitando sua rotina e diminuindo as chances de ocorrências de erros, ocasionadas muitas vezes pela gestão humana.

4. Contratar um bom emissor

Na hora de emitir notas, tanto você quanto seus clientes precisam de praticidade e rapidez, certo? Por isso, adquirir um emissor que atenda a ambos é a chave para descomplicar esse processo.

Ao fazer isso, você deixa de depender do site da prefeitura, que está sujeito a erros e oscilações.

Dessa forma, você evita contratempos durante o processo de emissão de notas, além de ter mais agilidade e segurança, pois terá uma equipe de suporte para te auxiliar em caso de qualquer dúvida.

Como fazer tudo isso?

Se você ainda não possui uma plataforma que auxilie na gestão dos documentos fiscais, que emita notas rapidamente e efetue o cálculo dos impostos, além de armazenar os XML pelos 5 anos obrigatórios mais o ano vigente, você precisa conhecer o Onbusca Smart!

Com a nossa plataforma online, é possível realizar todos esses processos e aperfeiçoar a organização da sua contabilidade, agilizando o desempenho das tarefas e facilitando a gestão das empresas.

Quer saber mais?

Pare de perder tempo e acesse: Onbusca Smart

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *