Inteligência Artificial: Você sabe o que é Deep Learning?

Sei que você provavelmente já escutou e conhece o conceito de Inteligência Artificial, mas gostaríamos de apresentar o conceito de Deep Learning.

A cada dia parece que estamos mais perto de estar em um filme de ficção ciêntífica, não é mesmo?

Só de falarmos em Inteligência Artificial já pensamos no futuro, em robôs extremamente semelhantes a nós e em carros autônomos.

De fato ainda estamos um pouquinho longe de ter estas tecnologias no mercado. Então o que nos resta é entender mais sobre o assunto e imaginar como será o nosso futuro.

O Deep Learning é uma seção dentro de Machine Learning, que também é uma seção dentro de Inteligência Artificial. Ficou confuso? Continue lendo para aprender sobre os temas que já estão presentes de alguma forma em nosso dia a dia.

Inteligência Artificial (AI)

Já pensou em ter uma máquina que prepara o café da manhã da sua família e do jeito que cada um de vocês gosta? Isso poderia ser um dos produtos criados a partir da AI. O grande objetivo é criar tecnologias capazes de pensar como nós seres humanos.

Como podemos imaginar, não é uma tarefa fácil. A AI é construída a partir de algorítimos complexos e funções matemáticas.

Esta tecnologia já está sendo aplicada no nosso dia a dia e muitas vezes não percebemos. Os mais utilizados são em smartphones, carros, nas redes sociais, e muitos outros.

A Inteligência Artificial é feita para que as máquinas consigam reagir a diferentes situações, saibam tomar decisões e resolver problemas.

Machine Learning

Nós, humanos, aprendemos com o que vimos no passado. As máquinas seguem nossas orientações.

O objetivo do Machine Learning é ensinar as máquinas o que nós sabemos e treiná-las para que possam tomar decisões muito mais rápido do que nós.

Por isso podemos imaginar a quantidade de dados que o Machine Learning requer para aprender todas as variações de informações que temos no mundo.

Vamos exemplificar: O Machine Learning será capaz de recomendar músicas que você provavelmente irá gostar, com base nas que você escutou recentemente.

Conseguiu entender a importância de coletar dados?

Deep Learning

Finalmente chegamos ao último estágio da Inteligência Artificial. O Deep Learning é uma espécie de Machine Learning inspirada pela estrutura cerebral humana (artificial network).

A grande diferença entre os dois termos é que no Machine Learning precisamos da intervenção humana. Ou seja, é necessário coletar os dados e ensinar para as máquinas o que sabemos. Já o Deep learning não, a máquina aprende sozinha pela Artificial Network.

Entretanto, já é de se imaginar que a quantidade de informações que essa máquina precisa é muito superior.

Para conseguir chegar a um resultado, o Deep learning passa por algumas etapas. A primeira delas é o Input, onde alimentamos a máquina com informações.

Em seguida vem o Hidden Layers, onde o computador já consegue identificar outras características das informações que foram adicionadas.

E por último o Output, no qual a máquina chega ao raciocínio final, na resposta.

O Deep Learning pode ser aplicado em diversas circunstâncias. Assim como no atendimento ao cliente, onde somos atendidos por máquinas que se assemelham a atendentes reais. Além disso, a tecnologia já está sendo explorada para a criação de carros autônomos.

Deep Learning na análise de dados

Há muitos dados nossos mundo afora. Várias são as empresas que já detectaram isso e estão utilizando-os para gerar lucro.

A grande dificuldade é conseguir estruturar estes dados, que estão separados e desorganizados. Neste contexto, o Deep Learning é utilizado para unir as informações e fazer com que elas gerem lucros.

A procura por profissionais que sejam capazes de estruturar essas informações aumentou muito. Já estão disponíveis algumas ferramentas para serem utilizadas gratuitamente. Um exemplo é a do Google chamada TensorFlow.

Em conclusão, é surpreendente o quanto a espécie humana progrediu, né? Aplicando a nova inteligência do Deep Learning já conseguimos visualizar a mudança que teremos em alguns anos.


Agora é com você: O que achou do Deep Learning?

Para saber mais sobre transformações digitais, leia nossos outros artigos em no blog.

Marketing

Criada em 2016, a equipe de marketing da Online Applications produz conteúdos para os blogs Onbusca e OnlineApp. A equipe é formada por Daniel Peres (coordenador), Gustavo Fernandes e Ruth Silva (design), Larissa Silva e Livia Silva (produção de conteúdo) e Giovanna Concon (análise de redes sociais).

Share
Marketing

Criada em 2016, a equipe de marketing da Online Applications produz conteúdos para os blogs Onbusca e OnlineApp. A equipe é formada por Daniel Peres (coordenador), Gustavo Fernandes e Ruth Silva (design), Larissa Silva e Livia Silva (produção de conteúdo) e Giovanna Concon (análise de redes sociais).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *