Você conhece o Certificado Digital na Nuvem?

Estamos aqui para falar de Certificado na Nuvem. Você já deve ter visto alguns destes “meios” de autenticação, em três formatos: arquivo digital, Token ou SmartCard.

Mas, se é daqueles, novo neste mundo, antes de falar que estes “gadgets” foram parar na nuvem, vamos dar uma breve explicação do que são, e, para que servem.

O que é um Certificado Digital?


Em síntese, é um arquivo eletrônico, para pessoa física ou jurídica, que possui a função de identificar e gerar a assinatura digital do seu titular.

Dessa forma, é um dos melhores recursos para assinatura de documentos digitais. Logo, tendo o mesmo valor legal (jurídico) de um documento físico assinado.

Há dois tipos:
A1 armazenados no desktop e A3 que podem ter os formatos de Token ou SmartCard.
Ambos têm um prazo de validade, que deve ser renovado.

Para que serve o Certificado Digital?


Agora que você já sabe a definição de Certificado Digital, está na hora de entender as suas funcionalidades. Como vimos, o Certificado tem validade jurídica.

Segurança é uma das suas principais qualidades. Mas, os benefícios do Certificado Digital não se restringem a isso. Economia de tempo e dinheiro, e ainda flexibilização de diversas negociações são diferenciais.

Falaremos mais a respeito noutro post.

Agora sim: Certificado Digital na Nuvem


Vamos pensar, sabemos que a “Nuvem” é um ambiente virtual, que dispensa meios físicos. E suas maiores vantagens são mobilidade (podemos acessar de vários dispositivos diferentes) e segurança.

Afinal, Nuvem não “quebra”. Então se o Certificado Digital está na Nuvem, podemos deduzir que não precisaremos mais dos Smartcards e Token. Mas, não podemos ser tão simplistas.

Entender como funciona o Certificado Digital na Nuvem é fundamental para agilizar os processos de validação de documento.

Vantagens de optar pelo Certificado Digital na Nuvem


Mobilidade


Basta ter um usuário, senha e acesso a uma conexão de internet. Assim, não é preciso levar mídias ou dispositivos para onde for.
Portando, para quem tem uma demanda alta de documentos para assinar, e precisa de acesso 24 horas por 7 dias da semana, é o ideal.
Além de não ser necessário a instalação de drivers ou a realização de atualizações.

A partir de agosto de 2019, os serviços disponíveis pelo sistema virtual da Receita Federal (e-CAC) poderão ser acessados por smartphone ou tablet, com uso do Certificado Digital em Nuvem emitido por qualquer Prestador de Serviço de Confiança (PSC) e integrante da Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira – ICP-Brasil.

Autenticação de segundo fator


Quem utiliza tecnologia, muitas vezes sente-se inseguro quanto ao armazenamento na Nuvem.

O Certificado tem duplo fator de autenticação, ou seja, utiliza-se de uma senha PIN e também um código de tokenização, como nos apps dos bancos.

“A tokenização é o nome dado à ferramenta digital de segurança que gera um código verificador, exclusivo para a validação e autenticação de um usuário que tenta realizar algum tipo de transação financeira. Por ser um código aleatório e temporário – tem validade de poucos segundos –, representa uma camada forte de segurança e, por excluir a necessidade de uso de força humana de trabalho, é sinônimo de economia no processo. De forma simples e objetiva, pode-se dizer que o token funciona como substituto de um cartão.”

– Felipe Tchilian, jornalista

Nas empresas


Aqui o fator mobilidade impera, já que muitas empresas possuem colaboradores que se deslocam para diferentes filiais, como os hospitais e companhias de engenharia, por exemplo.

O acesso ao Certificado Digital na Nuvem resolve a questão da mobilidade e da disponibilidade

Tudo tem um preço


Os valores dos Certificados são diferentes, para pessoas físicas e jurídicas, mas podemos considerá-los ínfimos em razão dos benefícios.

O Certificado pode ter validade de até 5 anos. Além de ser uma tendência, os órgãos públicos vêm operando cada vez mais no meio virtual. O que já justifica parte do investimento.

A própria Receita Federal frisou, recentemente, sobre a importância de inovar e de aderir ao Certificado Digital em Nuvem.

Mediante os benefícios que essa realidade proporciona, de forma rápida, dinâmica — e com baixo custo —, a adoção do Certificado Digital em Nuvem assegura maior confiabilidade aos negócios, e muito mais praticidade e segurança aos envolvidos.

Então, agora é analisar a sua demanda e avaliar a relação custo x benefício. Mas tenha em mente: Este é o futuro!


Marketing

Criada em 2016, a equipe de marketing da Online Applications produz conteúdos para os blogs Onbusca e OnlineApp. A equipe é formada por Daniel Peres (coordenador), Gustavo Fernandes e Ruth Silva (design), Larissa Silva e Livia Silva (produção de conteúdo) e Nathalia Andrade (análise de dados).

Share
Marketing

Criada em 2016, a equipe de marketing da Online Applications produz conteúdos para os blogs Onbusca e OnlineApp. A equipe é formada por Daniel Peres (coordenador), Gustavo Fernandes e Ruth Silva (design), Larissa Silva e Livia Silva (produção de conteúdo) e Nathalia Andrade (análise de dados).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *